by

Ritual de Litha: Consagração da Alma

O Verão vem chegando, e como você já deve saber,  costuma-se chamar essa época de Litha, o sabbath de Verão. Hoje veremos um ritual para consagração da alma à deusa, ao deus, à natureza.

Tem mais sobre Litha no artigo Comemorações das Bruxas: Sabbaths (Pt.6) – Litha e  tem feitiços no artigo Feitiços para Litha – Amor, Força e Superação!.

Ritual de Litha Consagração da Alma - consagração da alma aos deuses - consagração da alma aos elementais - consagração da alma a natureza

Neste ritual faremos uma consagração aos deuses e à natureza de nós mesmos. O que isso quer dizer? Estaremos dizendo “Confiamos em vocês, e desejamos trilhar esse caminho com força. Pedimos luz e proteção para seguir em paz e evoluindo sempre”. Gostou? Então vamos lá:

Preparativos:

  • Velas vermelhas OU amarelas OU brancas (mínimo 4 velas);
  • Cristais (qualquer um, quantos você quiser);
  • Plantas em vasinhos (qualquer uma, quantas você quiser);
  • Incensos (exceto os de propriedade de banimento);
  • Frutas ((qualquer uma, quantas você quiser);
  • Um jarro ou bacia com água (onde você consiga colocar pelo menos uma mão);
  • 1 Vela de 7 dias Branca

Obs.: se você está num local na natureza e já há plantas, não precisa arrumar os vasinhos, afinal, você já está na natureza…

O Ritual de Consagração da Alma 

Comece fazendo um círculo com as velas. Feito isso, leve as outras coisas para dentro desse círculo. Deixe as frutas perto das plantinhas. Agora já tudo certo, comece abrindo o Círculo Mágico.

Após as invocações dos deuses, elementais e seus guardiões, diga:

“Sou grato, sou feliz. Sou grato por estar aqui”

Acenda a vela de 7 dias e diga:

“Agradeço ao Fogo por manter sempre a chama de minha Alma acesa. Ao Fogo eu peço suas bênçãos”

Passe as mãos pelos cristais, enquanto diz:

“Agradeço à Terra por manter sempre meu corpo em condição de continuar minha missão. À Terra eu peço suas bênçãos”.

Acenda os incensos em alguma das velas, deixe a fumaça subir, e então diga:

“Agradeço ao Ar pela minha mente capaz de criar, por meus pulmões capazes de respirar. Ao Ar eu peço suas bênçãos”.

Então coloque a mão na água e diga:

“Agradeço à Água pelo Amor que flui em meu Ser e por suas correntezas alimentarem a Natureza. À Água eu peço suas bênçãos”.

Toque as plantas e as frutas. Sinta como emitem uma energia poderosa de VIDA. Enfim, diga:

“Agradeço à Deusa e ao Deus pela Vida. Agradeço por todas as bênçãos. Agradeço pela proteção e pela atenção.”

Cheire as plantinhas, sinta o perfume da vida. Coma alguma das frutas (não precisa comer tudo, rs). Continue:

“À Natureza, eu agradeço. À Natureza, eu peço caminhos abertos para seguir em frente, para que sempre apareça o que eu precisar. Aos meus Guardiões eu agradeço. Aos meus Guardiões eu peço para que sempre me ajudem com minha intuição. Grande Mãe e Grande Pai, por tudo que me dão, eu agradeço. Consagro meus caminhos à Tua Luz. Consagro minha alma aos Teus cuidados. Que nesta passagem de Verão eu me torne pleno! Que sejam abençoados os meus caminhos para que a Luz seja sempre vitoriosa. Que assim Seja!”

Enfim, terminou. Celebre. Dance, agradeça. Cante (letra de música coerente, por favor). Faça algum feitiço ou siga para algum ritual de prosperidade.

Quando terminar tudo, guarde as frutas que sobraram. Podem ser consumidas normalmente. Guarde as plantinhas no lugar delas e cuide normalmente. Guarde os cristais, o jarro, use normalmente. Os restos de vela podem ser reutilizados se quiser.  A Vela de 7 dias precisa queimar sem parar até terminar, portanto deixe-a no seu altar ou em um local onde ninguém mexa. Sopre as cinzas do incenso no ar…

Destrace o Círculo Mágico, dispense a todos – sempre agradecendo. Está feito a consagração da alma.

Uma feliz Passagem para o Verão!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

by

Feitiços da Lua Nova: Iniciar Projetos, Visão e Espiritualidade

A Lua Nova vem aí? Então se liga nesses Feitiços da Lua Nova!

Atenção: pode fazer esses feitiços dentro de um ritual ou de um esbbath, desde que seja lua nova.

feitiços da lua nova

Feitiço da Lua Nova #Iniciar Projetos

É muito bom começar um novo projeto com a ajuda do universo, não é mesmo? Seja casar, seja trocar de emprego, seja abrir seu negócio ou mesmo começar um TCC, tudo que for um projeto e que você pretende começar em breve, faça esse feitiço na lua nova.

Quando o céu já estiver escuro, coloque dentro do seu caldeirão 1 vela branca, flores brancas, 1 quarto rosa, muito alecrim, muito louro, canela em pau, maçã, incensos de prosperidade, 3 azeitonas, pétalas de violetas (opcional), açúcar (qualquer tipo), m pouco de guiné e uma porção generosa de cravos. Feito isso, abra o círculo e invoque a lua nova. Diga o projeto que quer iniciar e peça para que seja abençoado, que seja iluminado e que ocorra da melhor forma. Acenda a vela e agradeça. Espere um pouco, sinta essa energia. Depois pegue a maçã e coma, os restinhos coloque de volta no caldeirão. Quando a vela terminar de queimar, coloque álcool e ateie fogo. Deixe queimar o máximo que conseguir, nem que tenha que jogar mais álcool 2x.

Depois que terminar tudo isso, é só agradecer,desfazer o círculo e jogar as cinzas  em água corrente.

Garrafa da Bruxa da Lua Nova #Visão

Numa garrafa com tampa de rolha, coloque:

  • uma pequenina ametista
  • uma fita roxa
  • um pedaço de anis estrelado
  • algumas folhinhas de artemísia
  • um pedacinho de romã
  • folhinhas de alfazema
  • pedacinho de amora
  • pedacinho de maçã
  • pétalas de rosa branca, pode ser fresca ou seca
  • um pedacinho de carvão
  • opcional: uma colher de água fervida ou do rio
  • opcional: um par de brincos pequeno, que esteja bem usado

Depois de colocar tudo isso dentro da garrafa – não invente de fazer substituição – leve para a Lua Nova e consagre à Deusa, pedindo para dar a visão quando necessária, que toda energia negativa e medo fique longe nesses momentos (vale principalmente para quem tem visões, vê espíritos e usa oráculos). Invoque as forças de cada item que colocou na garrafa. Coloque a rolha e sele com cera de uma vela branca. Esconda a garrafa onde ninguém vá mexer. Troque somente se acontecer algo com a garrafa.

Feitiço da Lua Nova #Espiritualidade

Pegue um cálice ou taça e encha-o com suco de maçã (natural, PELAMORDEDEUS) e mel (se ligue na embalagem, alguns são Mel GLICOSE, e é barato… esse não é mel de verdade). Vá até a lua nova, sim, olhando para o céu e diga: Lua Nova, Senhora que está nascendo e trazendo a vida. Traga renovação e frescor para minha espiritualidade. Ajuda-me a purificar minhas atitudes e crescer, evoluir. Pois do Ventre da Terra eu vim, para o Ventre da Terra irei, e que assim seja, rumo à evolução”. Beba todo o conteúdo enquanto visualiza o fio de prata da lua conectado até sua aura. Faça mais três vezes, mas próximas luas novas (dos outros meses).

Um adendo muito importante: A Lua Nova é a Lua que nasce, que finaliza iniciar, que faz começar a germinação de algo, que traz à vida. Não esqueça de dar uma olhada no artigo: A Magia da Lua & A Importância de suas Fases.

Até a próxima!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

by

Feitiços da Lua Negra: Encarando a Sombra

A Lua Negra vem aí? Então se liga nesses Feitiços da Lua Negra!

Atenção: pode fazer esses feitiços dentro de um ritual ou de um esbbath, desde que seja lua Negra. E… ei,quando é a lua negra? São os 3 últimos dias de lua minguante, quando a lua some completamente do céu.

feitiços da lua negra - encarando a sombra - sombra - eu interior - eu sombra

Encarando a Sombra

Você conhece a si mesmo? Será? Esse é um feitiço que também é uma meditação. Seu objetivo é conhecermos a nós mesmos, o nosso lado que nos sabota, que se recusa a aceitar e cria máscaras. Preparado?

Comece preparando o ambiente. Acenda pelo menos 3 incensos diferentes, com propriedade de purificação, limpeza, banimento e limpe a si mesmo e ao ambiente. Precisa estar livre de energias intrusas. A seguir, abra o círculo e chame apenas a deusa, o deus e seus guardiões espirituais (sim, todos nós temos, ainda que nunca tenhamos visto). Diga explicitamente: que fique fora do círculo todos aqueles que não foram convidados. Feito isso, acenda uma vela roxa (qualquer tom) ou azul escuro. Com um raminho de alecrim em mãos, queime na chama da vela e sinta seu aroma. Faça isso sentado, de pé, como achar melhor. Faça como se concentra melhor.

Enquanto queima o alecrim, peça que o caminho seja aberto dentro de você e que sua sombra venha ao seu encontro.

Agora coloque o espelho à sua frente e o consagre à lua em sua face negra. (não pode ser seu espelho do armário! Não, não pode ser o espelho do banheiro, tem que ser uma espelho só seu, nem que seja pequenino, mas só seu!) Agora sentado (é, tem que ser sentado), coloque a vela à sua frente, deixe os restinhos de alecrim por perto. Segure o espelho à sua frente. Olhe intensamente nos seus olhos e chame seus guardiões, chame o deus e a deusa. Chame a si mesmo, sua sombra, seu lado que tenta esconder até de si mesmo. Deixe que fale. Deixe que vir os medos, MAS ATENÇÃO: o objetivo aqui é encarar o lado que tememos e aprender com ele, é entender o que acontece. É perdoar os passado e dar continuidade à sua vida em pratos limpos.

Feche os olhos, mas continue segurando o espelho. Saiba que para o que precisar, a deusa e o deus, e todos os seus guardiões, estão do seu lado.

Agora, no completo breu dentro de si mesmo, fale com sua sombra. Pergunte o mais incomoda. Pergunte o que mais dói. Pergunte o que não pode ser mais ignorado. Entre num acordo consigo mesmo. E mantenha a promessa, não se esqueça. Lembre-se que esse lado negro é você mesmo, é tudo que você teme dentro de si mesmo… não é entidade, não é espírito, não é deus ou deusa, é você mesmo.

Quando terminar, abra os olhos e encare seu reflexo no espelho. Apareça o que aparecer, não se espante. É apenas você mesmo. Guarde o espelho. Agora encare a luz da vela e agradeça a deusa, o deus e aos seus guardiões. Acenda mais incensos, agora com propriedade de prosperidade, de amor, de tranquilidade.

Levante-se. Agradeça a todos que ajudaram, a todas as energias presentes e dispense o círculo.

Está feito.

Encarando a Sombra #2

Esse é simples, e o objetivo é diferente do feitiço acima. Quando sentir sua sombra começando a extrapolar, ou seja, os pensamentos negativos, sobre coisas ruins, maldades, egoísmo em excesso vier… faça o seguinte: pegue uma vela branca e escreva seu nome em três partes diferentes e sobre seu some, escreva: purifique, abrande e perdoe. Deixe queimar até acabar, e até lá, lute contra essas vontades exageradas. Faça no máximo 1x na semana.

Um adendo muito importante: A Lua Negra é a Lua que nos mostra o abismo antes da renovação, que facilita nossa visão para dentro de nós mesmos, que nos dá a possibilidade de conhecer e enfrentar nossa sombra, nossos defeitos e entender mais a fundo a magia, que vive dentro de nós. Não esqueça de dar uma olhada no artigo: A Magia da Lua & A Importância de suas Fases.

Até a próxima!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

by

Ei, Bruxos! Se Liguem nas Dicas: #Música

Muita gente me pergunta sobre músicas em rituais, para meditar e tudo mais.

Tem regra? Pode ou não pode ouvir uma musiquinha enquanto a magia é feita? Dá alguma treta se eu ouvir um heavy metal enquanto faço magia para harmonização? E se for instrumental? Ou só vocal?

dica de musica

Antes eu gostaria que você lesse o artigo “A Arte da Bruxaria (Pt.10) – A Música e a Dança na Magia“.

Pronto?

A música mexe sim com a nossa energia. E a palavra tem poder. Junte as duas coisas. Agora vamos pensar: faz sentido fazer um ritual de prosperidade ouvindo uma música sobre morte, sobre desespero, medo…? Não, né?

Não importa que você acha linda a voz do cantor, procure ler a letra (existe Google Tradutor para músicas estrangeiras). Veja se tem a ver com o que vai fazer. Tem? Beleza! Não tem? Não force!

Então antes de clicar nas sugestões abaixo, tenha em mente o que acabamos de ver e mais algumas coisas:

  • Você tem problema para se concentrar com qualquer barulho, até musica? Então não coloque música!
  • Você se pega cantando a música e esquece do que ia fazer? Então coloque uma música instrumental!
  • A voz da Adele é linda, mas “Someone Like You” não é uma boa ideia para um feitiço de amor. Veja a letra e observe o sofrimento! “Skyfall” por outro lado fala de um amor de duas pessoas unidas – fortes quando estão juntas!
  • Não deixe no Youtube, no aleatório, por favor! Porque você vai parar TUDO para ir mudar de música e isso não pode, ok? A música é complementar, tem que ajudar. Se for para atrapalhar, ficar toda hora mudando de som, não ponha música!
  • Eu sei que vai dar uma vontade muito louca de cantar… então cante, mas tudo tem hora: se está no meio de uma queimação de ervas e é preciso visualizar, visualize. Poucas pessoas tem o dom de fazer 2 ou 3 coisas ao mesmo tempo com perfeição. Se você tem esse dom, maravilha!
  • Resumindo: Você pode ouvir o estilo que bem entender, apenas assegure-se de que não vai se atrapalhar, não vai se desconcentrar, não vai perder o foco do objetivo, que  letra da música tenha a ver com o contexto do que está fazendo.

Agora vamos à listinha! :D

  1. Está apenas estudando? Que tal ouvir uma rádio com estilo folk, celta, new age e alguns outros do tipo? Tem a Live365
  2. Já ouviu Omnia? Escuta essa aqui: Omnia – Morrigan
  3. E que tal Gaia’s Choir? Experimente essa aqui: The Gaia Choir – Who Are the Witches?
  4. Sente essa aqui: David Arkenstone – The Dragon’s Breath
  5. Não sabe como procurar músicas pagãs? Então coloque lá no Youtube algo como “Celtic Music” e aparecerá músicas assim: Celtic Music – Dance with the Trees (de Adrian von Ziegler)
  6. Tem uma moça linda chamada Lisa Thiel, já ouviu? Só jogar o nome dela no tio Google e você terá trocentas músicas! Escuta essa aqui: Sacred Ancestors’ Chant.
  7. Gosta de New Age, com toque oriental e tal? Escute um pouco de Kitaro.
  8. Ok, ok, você quer algo celta? Então relaxa com a Celtic Woman.
  9. E pra uma meditação? Também tem. Se liga nesse som dos Andes.
  10. Ainda sobre meditação, se você só quer um barulho gostoso de chuva… Esse vídeo aqui tem 10 Horas de Chuva com Raios e Trovões.
  11. Não sei de quem é essa música, mas eu adorei – sem falar nas recomendações logo lado! Ouça Moon Chant.
  12. Outra que não sei quem canta :'( mas é linda! We All Com from de Goddess.
  13. E é claro… Loreena McKennitt! Ouça esse show dela, Nights from the Alhambra.

E você? O que tem aí na sua playlist? Manda o link pra gente nos comentários!

Ah! Em breve teremos mais dicas!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

by

Feitiços da Lua Minguante: Banimento, Limpeza e Purificação

A Lua Minguante vem aí? Então se liga nesses Feitiços da Lua Minguante!

Atenção: pode fazer esses feitiços dentro de um ritual ou de um esbbath, desde que seja lua minguante.

feitiços da lua minguante - feitiços da lua minguante para banimento, purificação e limpeza

Feitiço da Lua Minguante #Limpeza

Unte seu caldeirão com óleo de sândalo, mas não precisa deixar melecado demais. Em seguida coloque no caldeirão cascas de alho, de cebola, cascas de ovos (bem sequinhas e trituradas), sálvia e cravo. Feito isso, pode colocar álcool, pronto, o caldeirão está pronto para a queimada, mas antes, acenda uma vela roxa e deixe por perto. Diga: “Lua Minguante, lua que míngua, lua que limpa e leva o sujo embora… Limpa esta casa de energias que não nos trazem o bem, limpa a mim, e aos meus queridos também. Lua Minguante, Senhora Sábia, limpa meu coração, minha mente e minha alma. Limpa meu lar, limpa o meu caminho. Que assim seja!”, e finalmente coloque fogo dentro do caldeirão. Fique ali, e bote fogo e álcool quantas vezes precisar até que fique tudo bem queimado, quase ou em cinzas. Sempre visualizando a limpeza em tudo que pediu. Quando finalmente não houver mais o que queimar, apague a vela, guarde-a para propósitos de limpeza novamente e jogue as cinzas em água corrente.

Garrafa da Bruxa da Lua Minguante #Banimento

Numa garrafa com tampa de rolha, coloque:

  • 2 grãos de café
  • 2 folhas de arruda
  • um pedacinho da folha Espada-de-São Jorge ;
  • alfinete, VÁRIOS
  • folhinhas de alfazema
  • pétalas de rosa branca, pode ser fresca ou seca
  • um pedacinho de carvão
  • uma colher de sobremesa de sal grosso
  • cascas de alho
  • opcional: uma colher de água do mar

Depois de colocar tudo isso dentro da garrafa – não invente de fazer substituição – leve para a Lua Minguante e consagre à Deusa, pedindo para banir toda energia negativa que tentar invadir sua casa. Invoque as forças de cada item que colocou na garrafa. Coloque a rolha e sele com cera de uma vela preta. Esconda a garrafa onde ninguém vá mexer. Troque somente se acontecer algo com a garrafa.

Feitiço da Lua Minguante #Purificação

Esse feitiço serve para purificar ambientes, instrumentos mágicos, objetos, pedras, e o que você quiser, exceto pessoas. Durante a noite, após ver a lua, acenda 3 velas brancas e salpique sal por cima delas. Em seguida leve o que quer que seja purificado (se for o ambiente, apenas continue o feitiço apenas com as suas mãos), passe sobre as velas enquanto pede à deusa anciã que purifique, que traga a pureza, que leve a imundície embora, que transforme as energias ali contidas em energia pura e boa. Purifique quantas coisas quiser, mas recomendo, no máximo, de 10 coisas por lua minguante. Depois de purificar tudo que queria, deixe as 3 velas queimarem completamente, pois estarão ainda trabalhando. Não se esqueça, durante o feitiço, de sempre visualizar a purificação e agradecer a cada uma delas. Depois só jogar os restos de vela no lixo e o sal salpicado pode soprar ao vento ou simplesmente varrer para o lixo também.

Um adendo muito importante: A Lua Minguante é a Lua que Mingua, que finaliza algo, que bane. Não esqueça de dar uma olhada no artigo: A Magia da Lua & A Importância de suas Fases.

Até a próxima!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

1 2 3 4 5 102 103