Uhhhhhhh… É hora dos #ContosDaBruxa 👻 Hehehehe!

Sempre estou respondendo a muitos e-mails, e esse não foi diferente. Uma senhora de Belo Horizonte pediu um banimento contra um desordeiro. Supostamente, um rapaz entrava no matagal de sua chácara e perturbava os animais. Queria assustar o cara com umas velas pretas, pelo menos. Ela disse até, que certa vez, pegou um facão e foi atrás dele, mas como estava sem óculos, não conseguiu fazer nada e ele correu.

Ela reparou que ele era alto e muito magro. Devia usar uma roupa prata, sei lá, essas coisas de quem vai nessas festas tipo rave? Tinha brilho, e por isso ficou ainda mais difícil ver. Disse que na próxima vez não teria erro.

Passei o banimento para ela, e pedi que não ficasse mais sozinha, pelo menos por uns dias. A senhora chamou um sobrinho e a família dele. Ficaram lá, esperando.

Não demorou, o infeliz de roupa estranha foi perturbar. As galinhas ficaram extremamente estressadas! O sobrinho pegou a espingarda e foi. A esposa foi atrás, com uma pá. A senhora ficou na casa, com as crianças pequenas. Ela disse que ouviu os dois gritarem tão alto, mas tão alto, que ela não conseguiu ficar sentada. Pegou os óculos e correu!

Ao chegar lá, as galinhas estavam correndo por toda parte. O sobrinho e a esposa estavam caídos de bunda no chão, os olhos arregalados. Ela perguntava o que houve e eles só gemiam! A senhora ficou nervosa, pegou a espingarda e foi atrás do desordeiro!

Ele corria, com as pernas longas e finas, e ela disse que era tipo um homem cabeçudo, cujas mãos pareciam de sapo! Os olhos alongados e pretos, imensos, pareciam “dos ets” que vemos na TV, mas tinha uma “névoa” na cara dele, meio azulada. O corpo todo cinza, reluzia um pouco à luz, e toda aquela visão a deixou paralisada. Ele deu uma olhada para trás, parecia assustado, e nunca mais voltou.

Bom, espero que a senhora agora esteja tranquila!

 

Quer me contar sua história? Só mandar para o meu e-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

 

Até a próxima!

 

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

 

Quer ajudar o blog a seguir com mais e mais publicações?

Vem conhecer o PADRIM << só clicar!

 

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor.