Sinto falta do Silêncio

Quando as Bruxas amigas apenas se sentavam ao meu lado, e sem uma palavra, nos entendíamos

Sinto falta do Olhar

Quando as pessoas que não conhecemos, antes de falar, observavam. Tinham empatia e buscavam a melhor maneira de se comunicar

Sinto falta do Toque

Poucos são os que abraçam verdadeiramente, sem interesse, apenas doando carinho e boa vontade

Sinto falta de Saborear

Ah, aqueles bons vinhos na madrugada! Quando as pessoas tentavam se aproximar umas das outras, e separavam um tempo para os colegas e amigos. Quando havia interesse em algo além de si mesmos! Ah, que falta faz o sabor das festas repletas de amizades!

Ainda bem que ainda tenho Bom Faro!

E o usarei para rastrear aqueles que minha energia chamar! Confio em minha intuição, na sabedoria ancestral que habita em mim. Confio que, ainda que seja difícil, essa corrente não morrerá. Sigo com meus amigos e logo outros virão!

Oh, Mãe Natureza… Esteja comigo e ilumine meu caminho! Agradeço de coração contente!

Assim Será!

 

Até!

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor.