🔥😈Tem #ContosDaBruxa 😈🔥 Hehehe… Hoje, a história vem de uma leitora que passou uns bons maus bocados na casinha dela, lá no meio do mato…

Quando criança, ela via algumas sombras na casa dos pais. Com o tempo, foi embora para estudar, trabalhar, viver como queria. Mas, quando os pais faleceram, ela herdou a casa e, cansada da vida corrida da cidade, resolveu ficar por lá. A paz do interior, o som dos grilos, a sombra boa das árvores!

Na primeira noite, ela lembrou porque foi embora de lá.

Pequenas sombras, como bolas pretas, apareciam pela casa. Olhos brancos, que abriam de vez em quando…! Sumiam rapidamente quando ela encarava, mas assim que ela bobeava, bagunçavam alguma coisa na casa.

Se fosse só uma baguncinha, tudo bem! Só que a brincadeira incluía facas em lugares errados, panela pesada caindo quase na cabeça dela, óleo em cima do tapete, retiravam pregos de algumas madeiras, arrancavam galhos das árvores e jogavam nela… Um perigo!

Já sem saber o que fazer, chamou uma amiga benzedeira, que passou a noite orando, batendo ervas nas paredes, expulsando as criaturas.

Desapareceram. Porém, ela ainda meio que se assusta sozinha, com medo de voltarem.

Eita! Eu também ficaria nervosa, e vocês? Hehe!

 

Quer ajudar o blog a seguir com mais e mais publicações?

Vem conhecer o CATARSE << só clicar!

 

Beijokas!

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

 

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor.