Ano novo, tudo novo, vida nova (ou pelo menos a gente quer/tenta)! Então, nada melhor que já começar a semana tendo uma noção das energias que estão por aí e já se preparar!

Do Divine Feminine Oracle veio a carta 

Black Madonna 

Nossa Senhora dos Eremitas!

A Madonna Negra nos ensina que às é preciso ter um momento à sós consigo mesmo. Você e seu espelho. Você e sua sombra. Você e sua mente, com tudo que você é.

Momento de reflexão, de levar mais à sério seus caminhos, sua vida. A vida é maravilhosa, e é sensacional poder viver e receber tantas maravilhas ao acaso…! Porém, há coisas que precisam ser pensadas, planejadas. O caminho espiritual precisa dessa atenção. Afinal, com os caminhos espirituais abertos, a energia se eleva e todo o resto fica mais claro.

Percebemos melhor sobre nós mesmos. Entendemos o que estamos errando no momento, o que já não tem mais nada a ver com a atual fase da vida, o que seria bom…

Um momento para se olhar além de si, além das opiniões, além das experiências passadas.

O Eremita vive entre momentos de solitude e solidão. Não entenda mal, às vezes a solidão também ensina e auxilia em muitas coisas. Talvez as pessoas naturalmente mais “eremitas” sintam esse período se arrastar por mais semanas, enquanto as que nem sabem o que é estar sozinho devem ter um período de apenas uma semana mesmo. A “Noite Escura” é preciso, e pode ser que aconteça de forma que não seja dolorosa, ainda mais quando paramos de teimar com nossos dons, nossos talentos, nossos sonhos e finalmente passamos a ser verdadeiros com nossa essência.

Tirar um tempo, voluntariamente, para isso será um grande bem que fará para sua alma.

Oh sim, isso não quer dizer que você tenha que entrar numa caverna e deixar de aproveitar uma festinha!

 

Quer uma consulta? Me chama lá no meu e-mail e vamos agendar!

 

Beijokas!

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor.