Esse é um simples rito de Sekhmet, mas uma magia muito boa, principalmente para se fazer para outros, como filhos ou alguém que você seja muito próximo e te seja muito querido.

protecao-de-sekhmet-1

Este ritual deve ser feito de dia, entre as 11h e as 14h. Não faça em dia de chuva.

Você vai precisar de uma imagem de Sekhmet, seja a estátua ou uma imagem impressa ou desenhada e do seu caldeirão de ferro ou de barro.

Coloque ervas voltadas para proteção e limpeza, todas secas, como arruda, mão-de-deus, artemísia, mirra, alecrim, entre outras. Queime, queime bem.

Enquanto o fogo estala, chame por Sekhmet, peça para te abençoar com a marca dela, uma marca de proteção contra qualquer mal enviado contra você e quem você quer proteger, diga os nomes.

Deixe as ervas queimando, enquanto cultua Sekhmet. Enquanto a convida para sua vida, seu lar. Reverencie o fogo e traga o calor dele para si…

E então ele cessará…

As chamas vão baixar…

Até se extinguir.

Não deixe esfriar demais, vá, passe o dedo indicador da mão que usa para escrever no fundo do caldeirão. Sim, puro carvão! Marque em sua pele, em qualquer canto, e diga que está marcado em nome de Sekhmet. Que está protegido em nome da Leoa de Fogo!

Marque as pessoas que quer ajudar e proteger, que devem ter feito parte do ritual, ou ao menos assistido e aceitado Sekhmet também.

Qualquer marca, a que vier em sua mente. Desde um círculo, um X, listras…

Agradeça a deusa, faça uma oferenda de vinho seco tinto e deixe no altar dela por 3 dias. Depois jogue na terra, de dia, de preferência ao meio dia, em nome dela. Agradeça novamente.

Deixe a marca por 3 horas, e então poderá remover, estará marcado no espiritual.

Agradeça a deusa novamente, quando remover a marca da pele.

Este ritual pode ser renovado a cada mês.

Beijokas!

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor.

COMPARTILHE !
Artigo anteriorMétodos de Jogar Tarot XII: Descobrindo Dons
Próximo artigoPó de Sumiço
Bruxa natural, sem medo de botar a cara no Sol. Sacerdotisa de Sekhmet, com orgulho. Taróloga pra todas as horas. Escritora sem vergonha, fazer o que, né? Libriana sim, mas com ascendente em Aquário, dá licença!? Aqui a conversa é fluida, sem drama, sem segredos. Bem, segredinhos só na hora de bater o tambor cazamigas! Falou em magia, já to lá! #ÉnóisQueVoa!

9 COMENTÁRIOS

  1. Ola Rose Bellator,meu nome é Andersonb de Souza Silva,Eu tenho Algo Estranho para lhe contar,eu tenho 46 Anos,sempre vi, espiritos ou como as pessoas falam assombrações,eu tenho uma pinta feita em minha cabeça,sim uma pinta feita de tatuagem,mas o mais interessante ´=e que não fui eu quem fiz ou mandei faser,deve ter sido feita quando eu era criança mais porque,a senhora ja ouvil falar alguma coisa assim,.

DEIXAR RESPOSTA

Por favor, insira um comentário!
Por favor, insira seu nome.