A gente está sempre falando de Tarot, ensinando métodos de jogar as cartas, mas… e quem nunca jogou? Como saber juntar os significados das cartas?

Hoje vamos ver alguns exemplos de como podemos ler as cartas! Uhul!

perguntas-e-respostas-com-os-arcanos-maioresEm primeiro lugar, é preciso entender algumas coisas:

  • cada carta tem seu próprio significado;
  • as cartas não possuem apenas um significado, portanto, é preciso avaliar a questão e o que virá em sua intuição no momento que é tirada a carta;
  • existem trocentos milhões de métodos de jogar as cartas, estes serão apenas alguns deles;
  • não tem o melhor tarot ou a melhor forma de jogar. Tem o tarot que você se dá melhor e tem a maneira de jogar que você entende melhor;
  • para jogar cartas não precisa de um dom, mas se tiver o dom fica mais fácil;
  • os métodos que vamos ver aqui servem para qualquer tarot, pois todos possuem a mesma simbologia, só muda a visão de cada artista;
  • não confunda baralho cigano ou lenormand com tarot. Existem vários oráculos em cartas. Tem runas em cartas, tem oráculos de mensagens em cartas, tem oráculos dos dados em cartas… porém, Tarot é Tarot. No tarot você encontra os 22 arcanos maiores e os 56 arcanos menores;
  • não é preciso ter os 56 arcanos menores para jogar tarot;
  • não é obrigatório ter ou saber jogar com os 56 arcanos menores. Se souber jogar com os 22 maiores já basta;
  • não tem carta boa ou carta ruim. Tem situações e contextos diferentes;
  • o tarot não é o melhor oráculo, mas é um oráculo muito conhecido e difundido.

O que fazer antes de jogar?

Arrume um local tranquilo. Não precisa de nada de mais. Se quiser acender uma vela, incenso, chamar seu guardião, etc… faça. Essas coisas podem ajudar na concentração ou fazem você se sentir melhor, mas nada disso é obrigatório.

Então respire fundo. Pense no que quer saber. Pense no jogo que será feito para responder o que quer saber. Se concentre e embaralhe as cartas. Não tem um jeito especial de embaralhar.

Pronto. Agora vamos ver alguns exemplos de jogos e como entender o que as cartas querem dizer em diversas maneiras de jogar e assuntos diferentes.

Os jogos que vamos ver a seguir são os jogos que fiz para uma amiga, que me permitiu descrever nossa conversa. Para proteger sua identidade, vamos chama-la de Eva.

Método 1: O Jogo da Decisão

Eva: Rosea, preciso me decidir se fico neste emprego ou se arrumo outro…

Rosea: Bem, então se concentre… e vamos ver o que é dito no Jogo da Decisão.

11Rosea: Na carta 1, a situação, temos o Imperador. Mostra que o emprego atual é sua segurança e está confortável, porém é justamente esse conforto que te deixa insegura. Como se estivesse quieto demais e nada nunca fosse andar, crescer. Na carta 2, o aspecto positivo, temos o Sol. Como você está acostumada ao seu cargo, você não enxerga as coisas boas que faz, a diferença que você faz e como é bem vista e querida. Na carta 3, o aspecto negativo, temos o Enforcado. Mas realmente, está parada. E está começando a virar um martírio… A melhor saída seria realmente uma mudança de cargo ou sair desse emprego para entrar em outro, ou seja, trazer movimento. Na última carta, temos os Enamorados… Que é o conselho. Veja bem, Eva: Você pode sair se quiser, ou fique, mas tenha isso decidido de coração. Não há necessidade de mudança. Se ficar em cima do muro só vai sofrer. Não vai nem conseguir evoluir dentro do emprego que está e muito menos conseguirá ficar feliz em outro emprego. Resumo: Não há necessidade de mudar de emprego, dá para conseguir uma mudança de cargo ou setor. Mas, se realmente deseja mudar, está tudo bem. Não há o que ter medo.

Para melhor entendimento, eis algumas palavras chaves:

O Imperador: Estabilidade / O Sol: Sucesso / O Enforcado: Sacrifício / Enamorados: Decisão

Método 2: O Pentagrama

Eva: Que bom, Rosea. Sendo assim, fico mais tranquila para me decidir. Afinal, se eu ficar, posso mudar de setor, se eu sair, virá algo e não ficarei mal. Ok. Agora vamos ver sobre meu casamento. O que pode ser dito?

Rosea: O Jogo do Pentagrama pode nos ajudar a entender como vocês dois estão, se tem alguém querendo encher o saco e o que pode ser melhorado. Que tal?

Eva: Pode ser esse mesmo.

2Rosea: Na carta 1, a situação, temos o Julgamento. Ou seja, um casamento onde estão já acostumados um ao outro, acham que sabem de tudo, mas a verdade é que precisam muito conversar sobre coisas não ditas, onde estão apenas as próprias conclusões. A carta 2, A Temperança, mostra que seu marido está tranquilo… porém, eu diria tranquilo demais. Confortável, sabe? Se você não der um empurrão, ele vai ficar parado. Porque pra ele está tudo tranquilo e favorável. Digamos assim “está como deve ser”, conformado. A carta 3,  que fala do envolvimento de vocês. O Louco. Vocês estão no famoso “deixa a vida me levar, vida leva eu…”. Gente, assim realmente assim não melhora. Não é que tenha que ter mil regras, mas se não tiver ali, um dos dois, falando o que vão fazer, inventando uma viagem, e tals, a vida é quem vai decidir tudo por vocês. A carta 4, que fala se tem influência externa: O Diabo. Sim, há sim. Mas como seu marido está “tranquilão” com você, não vejo como outra pessoa, ou seja, amante. Vejo como pessoas que ficam se intrometendo, dando pitaco, dizendo como tem que ser. E isso mina sua força de vontade. Aliás, é você quem está mais ouvindo o que as pessoas falam. Deixe que falem. Não tem que fazer seu casamento como sua vizinha ou como sua bisavó. Faça como quiserem. E se sentir vontade de encontrar-se com outro homem, seja honesta com você mesma: quero estar casada ou não com meu marido? Por fim, a carta do futuro, A Roda da Fortuna. É… realmente aparece aqui que você está mais com vontade de mudar tudo do que simplesmente “consertar” o casamento. Ou seja, arrumar outra pessoa e sair fora. Resumo: Se der a gota d’agua, vai fundo. Separa, arrume outra pessoa. Mas antes, dê essa chance a si mesma: a pessoa que está com você te ama, só está parada.

Para melhor entendimento, eis algumas palavras chaves:

O Julgamento: Conclusões/ A Temperança: Equilíbrio / O Louco: Liberdade / O Diabo: Conflitos/ A Roda da Fortuna: Mudanças

Método 3: Autoconhecimento

Eva: Caramba, Rosea… realmente, está difícil. Mas acho que o problema não é meu marido. Eu simplesmente quero as coisas e fico só pensando, querendo. Aí ele fica na dele e ficamos por isso mesmo. O que está acontecendo comigo?

Rosea: Podemos ver sobre você mesma, o que está acontecendo dentro de você com um jogo de autoconhecimento. Esse jogo não vê futuro. Ele fala com você. O que você está fazendo e o que te falta.

Eva: Mas eu não deveria já saber o que acontece comigo?

Rosea: Um comportamento pode acontecer por vários motivos, que a gente não entende ou não consegue associar.

Eva: Entendo… Então vamos ver.

3Rosea: O Sol e o Eremita. Juntas, essas duas cartas me mostram que você é uma pessoa de todos, mas nunca de si mesma. É como se a necessidade de todo mundo viesse antes da sua, então você nunca tem a si fazendo algo por si mesma. Isso, um dia, machuca. Isso nos é cobrado um dia. E ficamos assim: o que quero? Pra onde vou? Dá aquela vontade de apenas sumir, mas ao mesmo tempo, você quer tudo. Uma saída para isso é: pense em si mesma. Faça algo que tem vontade. Parece egoísta? Não é. Se você não pensar em si à vezes, se não pensar no que quer fazer, no que quer comer, em como quer se vestir… então vai murchar sua vontade de viver. Resumo: Tenha um tempo para si. Aproveite seu tempo consigo mesma.

Para melhor entendimento, eis algumas palavras chaves:

O Sol: Além de Sucesso, como já vimos, pode falar do Brilho Pessoal / O Eremita: Solidão

Método 4: Pergunta e Resposta Simples

Eva: É… eu vivi para marido e filhos. Vivi para o trabalho. Realmente, cheguei numa idade que posso escolher, e realmente, nem sei por onde começar. Acho um bom começo ter noção disso. Vivi a vida toda como meus pais sempre falaram: faz assim que o marido vai gostar, vai assim que o patrão não vai achar ruim. Nunca fiz além, nunca fiz o que queria. Ok. Entendi a mensagem. Agora só tenho uma última pergunta.

Rosea: Pode mandar!

Eva: Por onde devo começar minha mudança? A mudança em mim mesma, sabe?

Rosea: Sim, entendo. Vamos ver?

4Rosea: A carta 1 mostra o que fazer. O Carro. Comece trazendo todo tipo de pequenas mudanças para que tenha uma visão rápida da sua vida mudando. Mude tudo que puder e que esteja à vista. Seja um corte de cabelo, os móveis de casa, começar um cursinho de algo que você goste ou quer aprender a fazer. A carta 2 é um complemento e também um conselho. A Sacerdotisa. Dê uma ênfase ao seu espiritual, independente da sua religião. Busque praticar alguma técnica, magia, meditação… enfim. Não veja mais a espiritualidade apenas como seres invisíveis que de vez em quando você faz uma oração e eles decidem se ajudam ou não. Não! Traga a mudança também ao espiritual. Alinhe essa mudança nas coisas físicas com o plano astral e terá uma abertura de caminhos muito boa, possibilitando que as mudanças que deseja, aconteçam de forma equilibrada e sem prejuízos. Resumo: comece buscando as mudanças rápidas para reviver a força de vontade, mas busque também o reavivamento da mudança espiritual.

Para melhor entendimento, eis algumas palavras chaves:

O Carro: Rapidez / A Sacerdotisa: Espiritualidade Prática

Eva: Eu gosto de benzimento, mas nunca fiz. Será que se eu começar a estudar ervas e começar a tentar… em pessoas conhecidas, claro… Será que isso entra no que diz A Sacerdotisa?

Rosea: Isso mesmo, Eva!

Depois desse jogo, a Eva fez mais umas duas perguntas, mas não para o Tarot, e encerramos a consulta. Obrigada por me permitir colocar os jogos aqui! 🙂

Agora não tem desculpa! Vá ler! Vá conversar com as cartas! Vá tentar fazer jogos com elas para entender o que querem dizer! Estude-as!

E seja bem-vindo ao mundo do Tarot!

Espero que vocês tenham gostado!

Ah, se quiser uma consulta ou aulas com as cartas comigo, é só me mandar um email: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

Beijokas!

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor. 

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

COMPARTILHE !
Artigo anteriorOração à Força
Próximo artigoVídeo: Falando sobre Velas
Bruxa natural, sem medo de botar a cara no Sol. Sacerdotisa de Sekhmet, com orgulho. Taróloga pra todas as horas. Escritora sem vergonha, fazer o que, né? Libriana sim, mas com ascendente em Aquário, dá licença!? Aqui a conversa é fluida, sem drama, sem segredos. Bem, segredinhos só na hora de bater o tambor cazamigas! Falou em magia, já to lá! #ÉnóisQueVoa!

15 COMENTÁRIOS

  1. Ótimo post, estou começando a estudar Tarot e é muito interessante! Tenho uma dúvida nada haver com o tema, mas se alguém pudesse ajudar eu agradeço, é sobre astrologia, em especial Signos. Ultimamente estava estudando Signos, mapa astral, energia dos planetas etc… Mas vi diferença na data de signos de livro pra livro e site pra site também, como por exemplo alguns falam que Touro é de 19 de Abril à 20 de Maio e outros vi dizendo ser de 20 de Abril à 20 de Maio, entre outras diferenças em outros signos, algum experiente pode me dizer certinho as datas de cada signo? Grato desde já.

  2. Rosea, comprei um tarô, e nele só tem 21 arcanos maiores, tem problema? Obs: a primeira coisa pra prender a jogar foi vir no seu blog, e era o primeiro post! haha Obrigada!

  3. Excelente Rosea. Estudo tarot,mas às vezes quando faça uma consulta em prol dos meus estudos,eu me vejo um pouco perdido,às vezes sigo mais o que diz a parte da taromancia. Às vezes não sei o que ou como dizer algo que vejo nas cartas,é como se a explicação me fugisse e eu me perco na explicação.A questão de interpretação é a Única coisa que eu ainda me bato seriamente kkkk Espero que haja mais posts assim Rosea <3
    Bjs e Bençãos dos Deuses 🙂

  4. Nossa!! Tanto para aprender. Não tenho ideia de onde começar mas, como a “Eva”, desejo aprender a benzer, pois no meu bairro as benzedeiras já estão trabalhando em outra dimensão. Papai do Céu as chamou. Gratidão. Foi uma luz na direção que desejo.

DEIXAR RESPOSTA

Por favor, insira um comentário!
Por favor, insira seu nome.