E vamos começar a semana com uma mensagem para animar, alertar, inspirar ou quem sabe ensinar alguma coisa para a bruxarada? E a carta que saiu foi…

A Temperança

A carta da paciência, da moderação, da harmonia.

E a gente sempre busca essas coisas… será?

Buscamos mesmo a tranquilidade ou queremos que a tranquilidade venha até nós?

Vemos as coisas e queremos que ocorra tudo numa boa, mas não estamos dispostos a levar as coisas numa boa. E levar numa boa não quer dizer ver coisas erradas e nada fazer.

É saber respirar fundo, resolver sem precisar sair de sua paz interior.

É ouvir que a pessoa que está errada, se achando a dona da razão, e saber argumentar. Não simplesmente gritar.

É saber a hora certa de abraçar uma causar, e saber quando abandonar.

A paz não virá de fora. Ela vem de dentro. Conforme vamos mudando essa energia de dentro é que o exterior começará a mudar.

De nada adianta recitar mantras, pedir ao universo, ou seus deuses, que tenha paz na sua vida, se você não aprender a cultiva-la.

Talvez precise dar fim numa situação primeiro. Talvez precise largar alguém que simplesmente quer viver cego na própria vida. Talvez precise mudar de emprego.

A paz começa em você.

Lembre-se do tempão que não a cultivou, veja como as coisas estão. Comece a mudar. A energia vai começar a girar duma forma diferente. Os resultados virão.

Apenas tenha bom senso: foram anos sem de fato buscar a paz, então não a cobre em semanas.

É um processo de cura interior, de auto conscientização. É lento, mas quando acontece, é verdadeiro e duradouro.

Busque a paz, a moderação. Não espere que ela aconteça, assim, de repente.

Uma boa semana a todos!

Quer uma consulta? Me chama inbox lá na página do Facebook ou pelo meu email.

Beijokas!

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor.

DEIXAR RESPOSTA

Por favor, insira um comentário!
Por favor, insira seu nome.