E vamos começar a semana com uma mensagem para animar, alertar, inspirar ou quem sabe ensinar alguma coisa para a bruxarada? E a carta que saiu foi…

O Valete de Copas

A carta do romantismo, das paixões. Do calor humano! Mas que também pede privacidade com aquela pessoa especial, que mostra ansiedade… coração batendo a mil! E no calor das paixões, não apenas por aquela pessoa especial, a gente pode fazer besteira.

O Valete de Copas pede que respire e tente ver através do corpo flamejante, através dos sentimentos aflorados, através da vontade. Muitas vezes temos as melhores das intenções… mas será que o outro também tem?

Tente se aquietar e ouvir a intuição. Se está difícil, tente ouvir as palavras de algum oráculo. Se não tiver quem possa ver pra você, peça conselhos de alguém que saiba ser imparcial, ou que tenha boa intuição, boa sensibilidade. Aquela pessoa que sabe dar conselhos.

Às vezes não é uma questão de fazer ou não fazer, mas de até onde ir. Até onde não posso ir? Às vezes não é uma questão de apostar todas as fichas ou não. Às vezes é uma questão de apostar só metade e esperar como as coisas vão andar.

Por que isso? O Valete de Copas mostra os sentimentos tão aflorados, tão sensíveis, que qualquer toque vira fogueira. Qualquer palavra é um sinal. Qualquer sinal é uma bênção…

Então, como entender a intuição?

A intuição nos dá instrução. “Olha, por ali pode ser difícil, mas se eu fizer assim e assim, pode ser que dê certo!”. “Cuidado com tal coisa. Vá, mas tome cuidado”. É assim que ela fala.

O medo diz que você não vai conseguir e pronto. Vai te por pra baixo e não vai nem deixar você pensar numa saída.

A vontade vai ser extremamente positiva. Aquele otimista cego. Não vê defeito em nada.

É bom viver apaixonado, feliz, transbordando alegria. De dentro pra fora. Com a própria vida e a própria estima. Os outros podem ajudar e muito! Ter um companheiro, ter amigos, ter com quem contar… Mas primeiramente é preciso aprender a conviver e amar a si mesmo.

O desespero por aprovação sempre leva ao abuso de alguma forma. Alguém vai se aproveitar e vai usar você. Calma. Respira.

Talvez uma meditação. Uma dança. Um exercício. Encontre algo para diminuir essa ânsia.

Você pode, você é capaz, e você tem todo caminho aberto. Você é um ser que está aqui para aprender e também se divertir, sorrir. Permita-se. Só não deixa de se cuidar e ter cautela com algumas coisas, tá bom?

Que tal começar a por essas coisas em prática hoje?

Uma boa semana a todos!

Quer uma consulta? Me chama inbox lá na página do Facebook ou pelo meu email.

Beijokas!

Autor: Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com
Youtube: Canal Oficina das Bruxas

Atenção: A reprodução parcial ou total deste texto é proibida e protegida pela lei do direito autoral nº 9610 de 19 de fevereiro de 1998. Proíbe a reprodução ou divulgação com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet, sem prévia consulta e aprovação do autor.

COMPARTILHE !
Artigo anteriorFeitiço de Beleza com a Babosa
Próximo artigoA Magia do Mar #1: Aprendendo sobre os Elementos Básicos
Bruxa natural, sem medo de botar a cara no Sol. Sacerdotisa de Sekhmet, com orgulho. Taróloga pra todas as horas. Escritora sem vergonha, fazer o que, né? Libriana sim, mas com ascendente em Aquário, dá licença!? Aqui a conversa é fluida, sem drama, sem segredos. Bem, segredinhos só na hora de bater o tambor cazamigas! Falou em magia, já to lá! #ÉnóisQueVoa!

1 COMENTÁRIO

DEIXAR RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here