Quem nunca viu por aí fotos de altares com estátuas de ouro, varinhas feitas com um tipo de madeira rara, portanto caríssima, pedras, jóias, candelabros e muuuuuuuuitas outras coisas bem luxuosas?

É futilidade ou necessidade?

luxo na magia rosea bellator

Como já vimos antes, tudo é um grande DEPENDE.

Depende da divindade que está sendo cultuada.

Depende da religião e cultura da pessoa.

Depende se ela deixou de almoçar bem só pra poder fazer foto e postar nas redes sociais.

Peraí, você está me dizendo que pode não ser só futilidade?

É. É isso aí.

Vamos aos exemplos!

É bem comum encontrar um altar de Afrodite cheio de flores fresquinhas. Cálices com vinho, conchas, quartzos rosas, um pente, um espelho decorado…

Nossa, pra que isso? Que exagero!

Não é não. Afrodite é a deusa do amor, da beleza. Adora luxo, conforto. Festa, prazeres. Faz muito sentido.

E que tal um altar para Ísis com uma estátua de ouro da deusa?

Frescura! Só pra mostrar que tem dinheiro!

Não é não. O ouro é símbolo do Sol, da cura. Além de representar a realeza, a autoridade, a luz – tudo a ver com a deusa. O Antigo Egito usava muitos materiais nobres para confecção de estátuas e outros objetos relacionados aos deuses. Claro, você não vai deixar de ser ouvido pela deusa se não tiver isso, mas também não é futilidade de quem tem.

O que acha de um altar para Héstia com uma estátua dela de ouro, muitos pratos fartos de comida, diversas jóias, pedrarias e várias velas acesas?

Humm… não sei. É Bom?

É desnecessário. Héstia não exige esse tipo de coisa. Se você PODE fazer isso sem fazer faltar nada na sua casa, sem torrar toda sua grana, sem tirar o conforto em casa, está tudo bem. No máximo você fará isso numa grande comemoração, numa grande oferenda. Héstia não vai fazer você sacrificar o bem estar em casa, porque afinal, ela é deusa do bem estar em casa!

Por último… que tal um altar para Hades com luxuosas mantas escuras, candelabros de ouro, uma pequena capela, velas douradas, um espelho negro de obsidiana, colares de ametista, cálices de bronze, pratos cerimoniais de prata…

Faz sentido, afinal, ele é o deus do Submundo e o que não falta por lá são riquezas!

Concordo plenamente – no Submundo não faltam riquezas, porém um altar desses pode ser grande futilidade, uma vez que Hades está muito, mas muito mais interessado nas suas ações. É um deus que exige sim suas oferendas, mas não fará diferença se o prato cerimonial for de barro ou de prata. Hades é rígido mesmo com suas atitudes, como você usa seu poder, como trata sua espiritualidade.

*** Então, resumo da coisa toda ***

É muito bom ter aquelas coisas lindas no altar, mas precisa fazer sentido. Eu adoraria ter estátuas de ouro das minhas deusas, mas não tenho dinheiro pra isso – e isso não quer dizer que elas não me escutam. Se você pode fazer isso – e fizer sentido – o dinheiro é seu, a casa é sua, faça como quiser. Só não pode perturbar os outros, achando que todo mundo tem obrigatoriamente que fazer igual você, ou que todo mundo tenha que torrar todo dinheiro com objetos caros para o altar, ok?

Devemos dar o nosso melhor sempre, principalmente no que se refere a nossa espiritualidade, respeito, cultos. É lindo ter um altar maravilhoso, se você puder ter isso.

Até a próxima!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto e imagem é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

 

DEIXAR RESPOSTA

Por favor, insira um comentário!
Por favor, insira seu nome.