“Mas que idiotice, escrever poesias aos deuses!”

Opa, não diga uma coisa dessas!

“Mas… mas como assim Rosea? Poesia não é aquelas baboseiras de gente romântica e melosa? Detesto ler essas coisas!”

Hum… não é bem assim. Existem poesias de todo tipo. Mas antes de taxar, de reclamar… O que dizem as poesias?

poesia aos deuses

Sempre que posso, escrevo uma poesia sobre algo. Seja sobre o que sinto no momento, seja sobre o sabbath, seja sobre a natureza, seja sobre… qualquer coisa. E isso incluem os deuses.

Escrever uma poesia é como escrever qualquer outro texto, mas sua linguagem é ditada pelo coração. Como bem sabemos, o coração costuma ver tudo de forma diferente do cérebro.

O cérebro vê o 1+1, entende de gráficos, palavras coerentes, alinhamentos.

O coração sente. E quando fala é por meio de suspiros, cores, canções.

Então, chegamos onde eu queria.

Quando escrevemos poesias falamos com o coração. Falar com o coração é expressar toda a verdade que vemos e sentimos realmente. E ISSO é o que realmente importa.

Não adianta eu cultuar um deus lindo, maravilhoso e brilhante… mas com a alma vazia, sem sentir admiração alguma, sem realmente acreditar naquela força. Não adianta cultuar sem fé, sem amor. Nunca cultue um deus “porque é legal, porque apareceu na TV, porque é um deus estiloso, porque etc etc”. Cultue um deus porque tocou seu coração, porque você sente que aquela energia tem tudo a ver com você e fará bem ao seu caminho. Simples assim.

“Mas Rosea, pelamôdideus, o que isso tem  ver?”

Meu jovem gafanhoto, ao escrever poesias aos deuses veremos e sentiremos muitas coisas. É nesse momento que demonstramos o verdadeiro amor, fé. Sem dizer que, deuses como Hathor ou Dionísio, que são deuses da música, do prazer, vão adorar ainda mais ter seus cultos recheados de poesia feita para eles do próprio devoto.

É como um presente personalizado.

Sabe quando uma pessoa SABE o que você gosta e vai lá e te dá o melhor, quando todo mundo está fazendo o mesmo processo básico, ou seja, dar um presente por dar, só porque é aniversário, sem esforço algum para realmente agradar você? É isso.

Então, vamos lá:

  • Escrever poesias não é coisa de gente babaca, romântica e melosa.
  • Amor não é o único tema das poesias. Tem todo tipo de tema! Existem poesias até para demônios.
  • Escrever poesias é expor a verdade, seja em rimas, em metáforas, em comparações, seja como for, a verdade, o amor e a fé por algo que está no seu coração.
  • Poesia é uma forma de oferenda.
  • Em rituais que pede música… não sabe cantar? Fala uma poesia!
  • Escreva poesias aos seus deuses e recite-as nos seus rituais. Faça sua magia tornar-se ainda maior.

Entendeu? Então, sabe a sua deusa ou seu deus? Vai lá, escreve uma poesia de agradecimento, ou contando seu mito, exaltando sua força, mostrando sua devoção, etc.

E viva à poesia!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto e imagens é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com o autor.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

3 COMENTÁRIOS

DEIXAR RESPOSTA

Por favor, insira um comentário!
Por favor, insira seu nome.