É isso mesmo, você passou e vai passar por diversas iniciações durante sua vida.

Há toda uma preparação… mas também pode acontecer de forma espontânea. Quem nunca ouviu dizer, por exemplo: “Fulana só vai entender a mãe quando se tornar mãe”, ou “Fulano só vai aprender a usar dinheiro quando trabalhar por ele”?

Nascer, morrer, tornar-se mãe, tornar-se pai, passar da adolescência para a fase adulta, fazer sexo pela primeira vez, começar a trabahar, formar-se, casar-se… todas essas são fases da vida, são ciclos que acontecem infinitamente ao redor do mundo, por tantas e tantas eras. Chega uma certa época da vida que passamos por toda uma situação para enfim nos iniciarmos, ou seja, fazer parte de um novo ciclo na nossa vida, ciclo esse que nos dará mais experiência, que nos fará evoluir um pouco mais dia a dia.

iniciações - iniciações da vida
Aproveite as oportunidades da vida… nunca sabemos o que irá acontecer, mas podemos aprender muito! Evolua! Foto: Rosea Bellator.

Os rituais de Passagem

Como assim rituais de passagem? Calma, não tem nada de “místico” nessa parte. Os rituais de passagem acontecem de forma tão natural na nossa vida que mal percebemos devido ao nosso ritmo intenso de viver (também conhecido como pressa). Vamos aos exemplos (que eu sei que vocês adoram hihihi).

Beth está grávida de 9 meses, logo menos vai dar à luz. Esse período é o período de preparação. Ela ser um “grávida de primeira viagem” ou estar tendo seu 4º filho não torna esse tempo de preparação menos importante ou até mesmo inovador. Uma gravidez pode ser diferente da outra. O ritual de passagem de Beth começará quando sua bolsa começar a dar sinais que vai estourar até o final do parto. Assim que terminar todo o processo do parte e seu filho enfim estiver em suas mãos, Beth terá sido iniciada nos mistérios da maternidade. Ela foi introduzida a um novo ciclo. Perceba que ser iniciada nessa nova fase não torna Beth uma pessoa cheia de sabedoria, pelo menos não por enquanto. Beth irá criar seu filho e aos poucos irá aprender muito sobre ela mesma, sobre a criança, sobre o pai da criança, sobre a família em geral. A Iniciação na maternidade trará uma grande evolução para a vida dela.

Julio está querendo entrar para a faculdade. Ele teve que passar por período de preparação, que foi estudar bastante, e enfim passou por um ritual de passagem antes de começar a faculdade: o vestibular. Qual o objetivo de qualquer pessoa ao entrar num curso superior? Melhorar a qualidade de vida, ter uma profissão! Pois bem, antes de obter a permissão para conseguir tornar-se um profissional, seja lá qual curso superior o Julio escolheu, ele vai passar por OUTRO período de preparação que é a faculdade em si! Veja bem: ele passou por 1 período de preparação (estudar para o vestibular), depois por 1 ritual de passagem (o vestibular em si) para se tornar um iniciado (estudante). Agora ele vai estudar novamente (novo período de preparação) para passar nas provas (rituais de passagem) para se formar (iniciação). Mais uma vez percebemos que a pessoa não é completa e cheia de sabedoria, mas ela vai adquirindo a possibilidade, o conhecimento para alcançar outro conhecimento. Uma evolução em sequência organizada, onde não há como fraudar. Fraudar esses passos gradativos é fraudar a própria evolução.

Rita e João namoram há alguns anos. Esse ano decidiram casar. Não pensem que foi fácil ou que a decisão ocorreu do dia para a noite. Não mesmo! Foi necessário todo um período de preparação, de ter certeza do que queriam. Correram atrás de ter uma casa para morarem. Depois, claro, pensaram na festa. O que é a festa de casamento? É a divisão de alegria do casal. É pedir a bênção da família. É um ritual de passagem. Assim que terminar a festa, que estiverem sozinhos em sua nova casa… eles terão sido enfim iniciados no matrimônio. A partir daí eles vão descobrir o que é a vida de “casados”.

E quanto as iniciações espontâneas mencionadas no início do texto? A morte é o maior exemplo de iniciação espontânea. Puff! Os pais morreram, agora os filhos precisam se virar Puff! A esposa ou esposo morreu, o outro se torna viúvo (a).

As pessoas vão acertar? Vão errar? Vão dominar a arte que foram iniciados? Ninguém sabe. Mas certamente vão evoluir. Vão descobrir muitas coisas que fora da situação jamais saberiam. Não tem jeito, tem coisas que só descobrimos, que só entendemos, quando passamos por elas, e nesse momento os mistérios da vida nos serão revelados pouco a pouco, conforme nosso desempenho!

As iniciações

Então, qual o objetivo de tantas iniciações na nossa vida?

O nome já diz: iniciar, começar.

Todas as iniciações serão uma novidade e causarão grande impacto em sua vida. Você pode decidir não ser mãe, mas aprenderá outras coisas e por aí vai. É isso aí, estamos em constante aprendizado, tornando-nos mestres numa certa situaçao e aprendizes em outras, por isso devemos ser humildes e aprender com todos, pois todos têm algo a ensinar e todos têm algo a aprender.

Percebem que no fim somo todos dedicantes em alguma coisa? Quando você sobe um degrau na vida, logo almeja outro e assim vai subindo. Assim vai evoluindo!

Esse é o objetivo da iniciação, trazer evolução!

Então, o que isso tem a ver com a bruxaria e a magia? 

Existem coisas que só podemos compreender após algumas dessas iniciações, fases da vida.

Pode ser que uma menina não entenda a preocupação de uma mãe com um neném. Pode ser que um rapaz não entenda a situação de um rapaz casado. As necessidades são diferentes. Os desejos, anseios, preocupações são diferentes. Dependendo de qual fase estamos podemos nos interessar por algo diferente. Um dia você vai passar por uma dessas fases. Pode ser que hoje esteja entendendo melhor alguém que já passou por sua vida, pois passa pela mesma situação.

O que a magia tem a ver com isso? Vejamos: Quando começamos a estudar a magia logo queremos o que? Usar magia, óbvio! Porém tem o período de preparação, os pequenos testes e comemorações (que são os rituais de passagem) onde vamos medindo nossa força, nosso conhecimento, nossa capacidade de controle de energia. Há quem se especialize somente em ervas, em oráculos, ou danças, meditações… afinal, existem diversas manifestações da magia!

Na magia passamos por exatamente a mesma coisa. Preparação, rituais de passagem, iniciações. Muitos não tem um “mestre” para guiar, porém se estudarem com dedicação, certo momento vão sentir facilidade com uma situação X. Quando isso acontecer, parabéns, você subiu mais um degrau! E você para por aí? Dificilmente. Depois de subir um degrau no conhecimento, vamos subindo, subindo.. e vai ficando difícil. E voltam os estudos, os testes…  Um eterno ciclo de aprender, testar, tentar de novo, entender, dominar, iniciar-se e tudo de novo.

A vida – e a bruxaria – é isso: subir um degrau por vez. Ser aluno hoje, professor amanhã, ser aluno novamente e então professor, eternamente, aprender e ensinar, e ainda assim morrer sem tudo saber.

Rosea Bellator

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto e imagens é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

6 COMENTÁRIOS

  1. Adoro a forma que você escreve,simples e clara e exatamente por isso muito profunda. Muitas vezes o que nos falta é essa percepção dos ciclos.E esse ensinamento é mágico no caminho pagão. Tantos ritos de passagem que simplesmente passam em branco ou são traumáticos por falta de preparo.

  2. Como sempre, texto lyndo e perfeito!! Adoro esse tema, acho fundamental entender sobre as passagens e ciclos, vendo os fins nao como algo que vem antes do novo começo, mas como o próprio novo começo. É marcar bem as passagens, com ritos (no sentido mais amplo possível da palavra) super ajuda a tomar consciência da mudança e a se situar no novo papel e na nova situação. Muito bom!!

  3. Lindo texto.Como sempre vc arrasa.
    Sempre falo isso com os meus na vida estamos sempre aprendendo e ensinando e nunca vamos saber tudo.rs…rs… Mas cada etapa é importante.Já passei por muitas iniciações e isso é muito bom, pois o caminho nos dá vivencia e isso ninguém pode nos dar. Bjs

DEIXAR RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here