Raras são as vezes que se dá atenção ao Deus Tríplice ou ao Sagrado Masculino, e acho isso bem injusto, já que no mundo não existem apenas mulheres e não somente elas tem sua essência sagrada. Afinal (pelo menos eu acredito que) a energia é dual. Neste artigo vamos falar resumidamente sobre o Deus, seu papel e suas fases para depois podermos entrar no assunto do Sagrado Masculino, que será dividido em 3: Cornífero, Homem Verde e Ancião, sendo assim cada fase terá sua devida atenção. Depois veremos o mesmo com a Deusa Tríplice, ok?

O Chifre, o Sol, a Natureza e suas fases - são símbolos do Deus Tríplice. Desenho feito por Rosea Bellator.
O Chifre, o Sol, a Natureza e suas fases – são símbolos do Deus Tríplice.
Desenho feito por Rosea Bellator.

Quem é o Deus Tríplice?

Ele é o Filho e o Cônjuge da deusa. Como assim o filho e o conjugue? Em Samhain o deus morre e em Yule ele volta a nascer através do ventre da deusa. Em Beltane[bb] eles se encontram e novamente fazem amor. E temos aqui o ciclo. Podemos ver então que o Deus Tríplice é a contraparte da deusa. Unidos são Yin e Yang, o equilíbrio das forças.

Porque quase não se fala do Deus Tríplice?

Vimos que o deus é tão importante quanto a deusa, porque então quase não ouvimos falar sobre o deus? A explicação é simples: com toda essa violência que aconteceu contra o paganismo (muito mais ainda com as mulheres)  com o surgimento do cristianismo e seu patriarcado, o paganismo hoje acabou pendendo mais para o lado matriarcal, na tentativa de fazer ressurgir[bb] e se firmar o lado feminino também como sagrado. O problema disso tudo é que a força foi tão grande nesse sentido que muitas pessoas, quando mencionado o deus, acreditam que é o deus cristão e acabam por não entenderem que se trata de uma dualidade (e que não estamos falando do deus cristão, e sim do deus tríplice!). Porém existem também aquelas pessoas que adoram mesmo só a deusa, mesmo sabendo do deus, aí já depende da fé de cada um, mas a Oficina das Bruxas está fazendo seu papel na conscientização da existência e importância do Deus Tríplice 🙂 .

Qual a importância do Deus Tríplice?

Quando trabalhamos o Sagrado Feminino procuramos encontrar nossa essência feminina, portanto o mesmo acontece com o deus. Quando trabalhamos as energias do Sagrado Masculino estamos acordando, exercitando nossa essência masculina. A deusa tem suas faces: donzela, mãe e anciã, o deus também tem: o cornífero, o homem verde e o ancião. Cada face representa uma fase da vida, um sabbath, uma energia diferente. Três exemplos da energia masculina são: vigor (cornífero), força (homem verde) e sobrevivência/sabedoria (ancião). Ou seja, o Deus Tríplice é  importante, saudável e divino quanto a Deusa Tríplice.

O que significam as três faces do Deus Tríplice?

Farei um texto para cada face do deus, portanto cito aqui um pequeno resumo:

Cornífero: é a contraparte da Donzela. Ele está crescendo, descobrindo-se. É um filho, menino, rapaz esperto que trabalha ainda com a ajuda dos pais, que ainda é um novato, mas já caça, tem muita energia, vigor de sobra. Sua força impulsiva e criativa está no talo[bb]. Ele acabou de renascer.

Homem Verde: É o amante da deusa. Ele vive nas florestas ora escondido, ora divertindo-se. Ele também representa a face do pai, não de nenhum filho da deusa (já que é ele próprio), mas de um modo geral, já que é acolhedor, em festas ou não. Ele fica encarregado das colheitas e sua energia para fertilidade é abundante.

Ancião: Agora é um senhor experiente, já conheceu de perto tanto a guerra quanto o amor. Ele sabe como é perder tantas pessoas que conviveu com ele. Conhece doenças e suas curas. O ancião já é um mestre na arte da magia e detém muito conhecimento. Agora é a hora que o deus se prepara para deixar o que já sabe pelo mundo e preparar-se para morrer.

Somente homens adoram o Deus Tríplice?

Somente as mulheres adoram a Deusa Tríplice? Não. O mesmo vale para o Deus Tríplice. Mulheres e homens têm a essência da deusa e do deus. É claro que as mulheres precisam mais da deusa em certos momentos por motivos como a gestação e a ovulação assim como os homens precisam mais do deus em certos momentos por motivos como torna-se pai ou passar da adolescência para a fase adulta.

E é isso por hoje pessoal. Meninos E Meninas, todos nós temos a deusa e o deus dentro de nossa alma, não deixem essa essência sagrada morrer. Aguardem os próximos textos!

Desejo a todos as bênçãos dos deuses!

Rosea Bellator

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto e imagens é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

10 COMENTÁRIOS

  1. Amei!! Um tema tão necessário e tão pouco falado… Enquanto lia, ficamos aqui pensando numa possibilidade, não sei se procede pq não entendo grande coisa de sagrado masculino… Mas e o deus morto? Vejo que em muitas versões da mítica pagã o deus morre e “sai de cena” por uns tempos, até renascer. Mas achamos legal pensar no deus morto, no domínio da morte, do oculto… Seria um contraponto e ao mesmo tempo um complemento interessante. Vc sabe se existe algo sobre isso? Obrigada. E, outra vez, ótima iniciativa!

    • Bia, sem dúvida o deus morto se encaixa na fase que o deus morre em Samhain para renascer em Yule!! Sim, esta fase estamos sem o deus! Talvez essa fase do deus morto seja a que estamos vivendo os dias de hoje… um mundo estranho onde as pessoas só tem coragem de falar através da internet… onde parece que o amor virou piada.

      Mas oremos para que não seja nada disso!!

      Beijokas e obrigada!!

DEIXAR RESPOSTA

Por favor, insira um comentário!
Por favor, insira seu nome.