Dançarina do amor - Estátua de Hathor, no Museu Egizio,
Estátua de Hator, no Museu Egizio,

A cada performance da dançarina, óh, o regozijo!
A Dançarina do Amor manisfesta-se por inteira
 Move-se como a Serpente
Astuta,
Esguia,
Flexível e Bela
Tens dons tão magníficos
Quanto pode imaginar
Teus véus são nuvens claras
Tuas jóias reluzem alegria
E ao brilho do teu olhar formam-se festas

Hator, Bela Deusa do Amor e dos Prazeres
A Vaca Sagrada que Circunda o Nilo
Que jamais deixa o Leite Cessar
Aquela que Guia as Almas no Além
Senhora de Luz e Alegria
Anfitriã das Celebrações
Sacerdotisa dos Reis
Hator que Habita no Sol
Que dá a Luz às mais sábias mães
Teus súditos te reverenciam
Teus súditos te reverenciam!

Dançarina do Amor
Poderosa e Constante
Aqueles que te ignora
Logo se arrependem
Pois o prazer é necessário
Pois deleitar-se é essencial para a alma
Ensina teu povo a entender 
Compreender que não é fútil
A dança do embelezamento
Do acasalamento
e da Farra
Ninguém nasceu para trabalhar sem descanso
Ninguém foi marcado tão cruelmente

Dançarina Encantadora!
Mostra-nos como achar nosso caminho
Ensina-nos como deliciar os outros com nossa dança também
Como encantar nosso par em nossa cama
Como roubar sorrisos em nossa jornada
Reverenciamos nossa Deusa Hator
Generosa e Infinitamente  Mágica, Perfeita

Em teu ventre descansamos
Em teu corpo encontramos fertilidade
Criatividade e Cor
Do Fulgor da Tua Energia
Nós Vivemos
E agradecemos!
Viva à Hator!
A Grande Dançarina do Amor! 

Eu a reverencio, minha Senhora!

Rosea Bellator
E-mail: oficinadasbruxas.odb@gmail.com

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é PROIBIDA e protegida por LEI. Para usar este texto entre em contato com a autora.

Quer ver outros posts? Clique nos seguintes links:

5 COMENTÁRIOS

DEIXAR RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here